Uma pergunta frequente de quem busca por um imóvel é sobre o que vale mais a pena: financiar ou alugar. Os economistas dizem não haver resposta universal, mas sim recomendações diferentes conforme a realidade de cada pessoa ou família.

Você sabe quais pontos devem ser considerados? Neste post, a Auxiliadora Predial traz algumas dicas para quem tem dúvidas. Confira nosso passo a passo para saber o que é melhor para você: financiar ou alugar?

 

Veja se você tem um bom valor de entrada

Quer se mudar, mas não sabe se é mais vantajoso alugar ou financiar um imóvel? Comece verificando sua reserva de dinheiro. Se pensa em comprar, confira se você tem um bom valor para dar de entrada. Quanto maior for, mais chances de as parcelas caberem no seu orçamento. Uma dica é usar o FGTS no montante dessa conta.

 

Pense no tempo que você levará para quitar o imóvel

Além dos juros, considere quantos anos serão necessários para quitar o financiamento. Primeiro, porque quanto mais longo for o prazo, maior será o preço final com os juros; Segundo, porque essa informação fará você refletir se pode assumir um compromisso por um prazo extenso.

 

Considere o impacto na sua renda

Se você decidiu que fará um financiamento para comprar um imóvel, filtre aqueles que caberão no seu orçamento. Lembre-se de que o recomendado é nunca comprometer mais de 30% da renda mensal familiar.

O aluguel fica dentro dessa porcentagem e a parcela do financiamento não? Então é melhor alugar. As parcelas de um financiamento não ultrapassam 30% da renda mensal familiar? É um sinal de que adquirir o imóvel próprio é viável.

 

 

O importante é você ter pleno conhecimento da sua saúde financeira e das melhores oportunidades! Ficou com alguma dúvida? Conte com a expertise da Auxiliadora Predial para o ajudar. Precisando, entre em contato conosco!