Bixiga: antiguidades e italianices na capital paulista

02134947700-1-1

Na região do Bela Vista fica um bairro que é um verdadeiro pedacinho da Itália em São Paulo. O Bixiga tem um ar saudosista, repleto de construções antigas e cantinas das mais tradicionais, onde as receitas que atravessaram gerações continuam sendo servidas e apreciadas. Todo esse ar de tradição e nostalgia que emana de suas ruas e avenidas torna o local perfeito para quem ama antiguidades aqui, você pode passar horas e horas garimpando briques e feiras com os mais diversos objetos de época.
Quer saber aonde ir para aproveitar tudo o que o Bixiga tem a oferecer de melhor? A gente conta! A Auxiliadora Predial é apaixonada por esse bairro, e vai mostrar como aproveitar o melhor das antiguidades e italianices na capital paulista.

As deliciosas cantinas


Mamma mia! Não há quem resista a um belo prato de espaguete ao sugo e, no Bixiga, eles são ainda mais especiais. Lá, ninguém se importa com as estrelas do Michelin: o importante é o atendimento, a abundância e, é claro, um bom vinho para bebericar. A Mamma Celeste é um dos mais tradicionais exemplos. Gnocchis, bruschettas e as mais variadas massas caseiras, acompanhadas de molhos tradicionais, são as estrelas do cardápio.

Outra ótima opção é a Cantina Roperto. Belo e aconchegante, o restaurante também é especializado em massas caseiras, com molhos encorpados e cheios de história. A maior recomendação dos frequentadores assíduos é o rondelli! Para embalar almoços e jantares, a música italiana ao vivo toma conta do espaço. É apaixonante!

Um lugar que deixou saudades foi a Cantina Capuano, que ficava em um edifício antigo na Rua 13 de Maio. O ambiente parecia um cenário de um filme de Francis Ford Coppola e funcionou por 111 anos ininterruptos de 1907 a 2018. Curiosamente, o restaurante foi considerado o mais antigo em funcionamento de São Paulo por um bom tempo! Quem visitava o estabelecimento não esquece dos sabores marcantes que chegavam à mesa.

Lembranças dos bons velhos tempos


Com 140 anos de idade, o que não falta no bairro é história! E, por ter sido o reduto das primeiras famílias italianas que chegaram a São Paulo, as antiguidades estão por toda parte. Realizada aos domingos, das 8h às 18h, desde 1982, a Feira de Antiguidades do Bixiga é um dos principais espaços de exposição e comercialização de antiguidades. Instalada na Praça Dom Orione, a feira reúne de tudo um pouco: móveis de época, livros, discos de vinil, objetos decorativos e até mesmo roupas de brechó.

Em frente ao local da feira, fica o Shopping das Artes, na rua 13 de Maio. Nele, você encontra mais de 40 lojas com quadros, brechós, artigos vintage, decoração e um café. A Pocilga! Objetos Inusitados é uma das nossas favoritas! Fora do shopping, ao longo da rua é possível encontrar mais antiquários lotados de curiosidades.

Música para todos os gostos


Italiano também tem samba no pé! Adoniran Barbosa, nascido e criado no bairro, já adorava aproveitar o ritmo nas redondezas e criou uma música em homenagem ao local. Atualmente, o Samba na Treze embala as sextas-feiras o grupo Madeira de Lei começa a tocar às 20h, na rua 13 de Maio, em frente à entrada da Igreja da Achiropita. O repertório da roda inclui grandes nomes do samba, como Cartola, Paulinho da Viola, João Nogueira, Benito de Paula e outros.

Mas nem só do choro do cavaco vive o Bixiga. Todo segundo sábado do mês é dia de Escadaria do Jazz. Bastante conhecido, o evento reúne bandas de jazz, blues e ritmos afins na escadaria do Bixiga, que em pouco tempo é tomada pela plateia. O encontro começa às 14h e segue até as 20h.

Venha para o Bixiga!

Um prato cheio para quem ama história e uma vizinhança cheia de tradições deliciosas. A Auxiliadora Predial pode mostrar os melhores imóveis para viver por lá. Confira:

Veja mais imóveis!

4.8/5 - (5 votes)

Compartilhe

Share on email
Envie por E-mail
Share on whatsapp
Envie por Whatsapp
Share on facebook
Compartilhe no Facebook
Share on telegram
Compartilhe no Telegram
Share on twitter
Compartilhe no Twitter
Share on linkedin
Compartilhe no Linkdin